• Home
  • Blog
  • Healthcare
  • Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência: oportunidade para refletir sobre a importância da inclusão social

Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência: oportunidade para refletir sobre a importância da inclusão social

Data visa conscientizar a população de que as pessoas com deficiência devem ter seus direitos respeitados

Em 21 de setembro é celebrado o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, criado por iniciativa de movimentos sociais que manifestam a importância da discussão de políticas públicas que visem à inclusão das pessoas com deficiência na sociedade de forma igualitária. A Lei 13.146/2015, em seu art. 4º, determina que “toda pessoa com deficiência tem direito à igualdade de oportunidades com as demais pessoas e não sofrerá nenhuma espécie de discriminação”.

Instituída pela Lei 11.133/2005, a data é comemorada desde 1982, quando em um encontro nacional, que reuniu diversas entidades, foi decidido que o dia seria, a partir de então, definido como uma forma de luta e de reivindicações por igualdade de direitos e de participação plena na vida social. 21 de setembro foi escolhido por marcar o início da primavera, que caracteriza o renascimento das plantas e carrega toda essa simbologia de renovação e de luta pela vida.

Ter uma deficiência é uma condição que impacta o dia-a-dia do indivíduo no que se refere às estruturas e funções do corpo, à realização de atividades e à participação social. O desenvolvimento de novas tecnologias tem sido fundamental para a reabilitação dessas pessoas. 

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 10% da população possui algum tipo de deficiência. No Brasil, o censo 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que 45.606.048 milhões de pessoas (23,9% da população geral) têm algum tipo de deficiência.

AACD em destaque

Em agosto, a programação do Medical Conecta debateu, entre outros, a gestão dos hospitais públicos e privados na pandemia. Os painéis foram realizados com apoio da Federação Brasileira de Administradores Hospitalares (FBAH). Em um deles, fomos impactados pelas vivências do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (IAMSPE), do Hospital Alemão Oswaldo Cruz e da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD).

Valdesir Galvan, CEO da AACD, destacou que “esse momento que vivemos nos mostrou a importância do SUS e como o sistema pode funcionar, desde que tenha investimento. Ficou claro também que temos de estar sempre preparados para mudanças rápidas, além de ter autonomia, espírito coletivo, valorizar os profissionais de saúde e a indústria nacional".

O painel em questão teve ainda participações de Wilson Pollara, superintendente do IAMSPE, José Marcelo A. de Oliveira, diretor-presidente do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, e Raul Rosenthal, da FBAH. Assista na íntegra AQUI.

Com informações da UFRJ

Artigos relacionados

  •  +55 11 2365-4336

  • Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

  • Estamos em  São Paulo

  • Alameda dos Maracatins, 1217 - Conj. 701
  • Indianópolis - São Paulo - SP

Cadastre-se em nossa newsletter

Nos conte o seu nome :)
Acho que existe algo errado em seu e-mail.

Olá, esse é o canal via Whatsapp da Medical Fair Brasil. Aqui você tira dúvidas sobre assuntos como: inscrição, quero expor, palestras e assuntos relacionados a feira.

WhatsApp
Close and go back to page